quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Feliz ano novo para quem eu amo, para quem me ama, para quem eu não amo e para quem não me ama.
Sejamos todos felizes. Cada um com o que lhe é de merecimento e cada um respeitando o próximo.
Sejamos todos cuidadosos para que o que já temos se mantenha e perpetue e para que o que virá tenha onde repousar.
Sejamos todos amáveis. Sem medir a quem.
Sejamos todos educados, sem grosserias e sem violência.
Sejamos todos responsáveis por nossas atitudes e medidas.
Sejamos todos boas pessoas, sejamos todos bons filhos, bons amigos e bons amantes.
Que, no próximo ano, sejamos todos invadidos de boas ações e felicidade. E que nossas vidas sejam abençoadas.
Sejamos muito repletos.
Até breve.

domingo, 27 de dezembro de 2009

Festa de aniversário do Vitor.

Alguém por aí registrou meu momento cantora de ontem?
Nova vocalista do Stone Temple Pilots.

"When the dogs do find her
Got time, time, to wait for tomorrow
To find it, to find it, to find it"

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

"Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania. Depende de quando e como você me vê passar."


Feliz Natal e Ano Novo para todos.

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Lustato Tenterrara, tentei comentar em sua página, mas achei um pouco confuso... Então, se passar por aqui novamente, saiba que adorei seu comentário. Fiquei feliz que já tenha lido "O Pequeno Príncipe" e que já "ouviu" Chico". Apareça sempre.

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

O que eu acho de Crepúsculo e afins?
Uma Malhação de produção cinematográfica.
Não vi, não li, não vou ver, não vou ler e acho um saco. O enredo não me interessa e esse climinha de paixão impossível acho um porre.
Aliás, prefiro ficar de porre.
Alguém quer uma cervejinha esses dias?

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

E mais uma vez, o Mengão é campeão. Aliás, seis !
Dá-lhe, dá-lhe, dá-lhe ô!!!!
Mengão do meu coração!

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

ANTOINE DE SAINT-EXUPÉRY

Nota:
Não é sem apreensão que os amigos do Petit Prince o vêem, caído em terras do Brasil, correr aqui sua aventura. O homem de Estado, o homem de negócios, o geógrafo e até mesmo o guarda-chaves (sem suspeitar que são entrevistados no livro) afastarão o volume com desdém: - livro para crianças!
Sem dúvida, as crianças o acolherão de braços abertos, porque elas são capazes de compreender tudo, mesmo os livros para gente grande. Pois temos a certeza de que se trata de um livro - e urgentíssimo! para adultos. "O Pequeno Príncipe" é uma fábula. Ou, se preferirmos, uma parábola.
Não é um livro para crianças, porque traz justamente a mensagem da infância, a mensagem da criança. Essa criança que irromperá de repente no deserto do teu coração, a milhas e milhas de qualquer região habitada, - e na qual reconhecerás (ó prodígio!) os teus olhos, o teu riso, a tua alma de há vinte ou trinta anos. A menos que não queiras ver, a face do Pequeno Príncipe, a face de um outro, coroada com espinhos de rosa...
Este livro é também um teste. É o verdadeiro desenho número 1. Se não o quiseres compreender, se não te interessares pelo seu drama, aqui fica a sentença do Príncipe: - "Tu não és um homem de verdade. Tu não passas de um cogumelo!"

*Ganhei mais um livro. Agora com ilustrações em Pop-Up.
*Comprei "O amor do Pequeno Príncipe - Cartas a uma desconhecida"

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Eu queria viver em um mundo onde as pessoas fossem menos egoístas e mais amáveis.
Queria viver em um planeta onde só existisse bondade e paz.
Minha maior vontade, hoje, é buscar justiça. O ser justo. E assim viver em harmonia com as pessoas.
Essas pessoas individualistas e egoístas podiam todas irem tomar um sorvetinho em outro lugar. Bem longe de mim.

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

A tristeza me inspira. A dor me faz escrever melhor.
Como estou tão feliz, tão feliz, não tenho muita motivação para escrever por aqui.


ahahahahahhahahahahahahh!!!!!
*mais ou menos como a risada do Pequeno Príncipe no final do filme.

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Hoje é um dia importante. O início do novo passo. A nova fase começa hoje.
Que venham as alegrias.

"Pra nós, todo o amor do mundo
Pra eles, o outro lado
Eu digo mal me quer
Ninguém escapa o peso de viver assim
Ser assim, eu não
Prefiro assim com você
Juntinho, sem caber de imaginar
Até o fim raiar"

* Hoje o Vô Rufino se foi.
O velhinho mais querido.
Vai descansar.
Vai com Deus.

*Ai, meu Deus!! Chega de morrer gente querida, por favor!!!

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Tenho pensado tanto, queimado tanto a mufa em minhas obrigações que a única coisa que queria fazer era tomar uma cerveja, ouvir coisas e não pensar em nada...

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Eu P-R-E-C-I-S-O de um Power Plate.
Tudooooo!!!!!!
Minha amiga Nita está grávida!!!

êêêêê!!!!!

Muito feliz!

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Classificados

Eu optei por roupas pretas, em sua maioria...mas tenho usado bastante o rosa pink. O branco, agora, me encanta e o claro convive no meu guarda roupa.
Gosto dos laços e das flores, mas só no cabelo.
Das mangas "princesa" e dos bottons também. As batas, camisetas e sapatos baixos.
Não consigo deixar de usar o cabelo chanel com a frente muito maior. Escuro. Sempre. Vermelho não me cabe mais.
Gosto do simples, do natural, do que vem sem pedir.
Da surpresa, do carinho e das demonstrações de amor. Mais do que das declarações.
Respiro música.
Amo minha família.
Amo meus amigos.
Amo meu amoreco.
E amo minha vida.
Sou tranquila... calma.. às vezes sem paciência, mas bom coração.
Sempre tive como maior qualidade, por mim escolhida, a honestidade. Hoje eu incluo o poder de compreender os outros sem questionar muito.
Não tenho mágoas. Tenho alguns receios e medos que estão sendo superados a cada semana que passa.
Se fico triste, choro.
Se fico feliz, transbordo.
Muito transparente.
Gosto de viver. Gosto de estar entre as pessoas que eu amo. Gosto de estar feliz.
Eu sou feliz... e adoro fazer feliz quem me faz também.

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Como pode um ser humano ter tantas sensações diferentes em um só coração?
Feliz porque a amiga está feliz, triste porque hoje completam 7 dias que um grande amigo se foi, feliz porque está tudo bem em sua vida, chateada com a companheira de trabalho, irritada com as coisas erradas que vê, feliz com muitas coisas triste com outras...
Um mix de emoções, sentimentos.
Será isso coisa de mulher? Ou capacidade humana mesmo?

terça-feira, 3 de novembro de 2009

Para meu amigo Pablo Calixto, nosso querido Qualhada:
Vai em paz.
Fica aqui a saudade e as lembranças de momentos maravilhosos de muita alegria sempre.

Muito triste :(

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Vou contar aqui um dos meus "traumas" de vida. Na verdade, como outros, é da infância.
A minha mãe sempre fez a minha lancheira. Ela preparava o lanche: biscoitos ou sanduiche, fruta e a bebida.
A bebida era o problema. Muitas vezes ela mandava café com leite.
Cara, café com leite é horrível.
Ela mandava sempre na época do inverno, pois era quentinho e tal, mas na hora do recreio aquilo não estava súper quente...estava morno, quase frio. E vamos combinar que café com leite morno ou quase frio é pior ainda.
Nossa...eu me sentia culpada por não beber aquilo e blá blá blá e lá ia eu: Glumpt! Engolia tal "delícia".
Mas um certo ano, no inverno, instalaram uma máquina de sorvetes na escola daquelas de sorvete de copinho, saca? E eu queria muito. Todo mundo tomava.
Eu pedia dinheiro pra minha mãe pra comprar o sorvete, mas ela não dava alegando que estava muito frio, que eu iria ficar resfriada...essas coisas de mãe.
Mas foi aí que fiz uma coisa muito feia. E o pior é que fiz várias vezes (hihihi).
Eu roubava moedinhas da minha mãe, comprava o sorvete, tomava e fazia uma outra coisa: derramava o café com leite no ralo.
Juro. Me sentia muito culpada de fazer isso. Ainda mais que nessa época eu fazia catecismo e tudo era pecado. Mentir pra mãe e desperdiçar alimento enquanto existem muitas pessoas passando fome. Tá. Eu sei que sempre vai ser ruim, mas eu me sentia uma pecadora de marca maior.
Beleza...eu odeio até hoje café com leite, sinto o gosto daquele troço morno quase frio na boca só de lembrar dessa história, mas hoje eu posso tomar minhas decisões sem que minha mãe brigue ou me obrigue.

Não gosto de café.
Não gosto de leite.
Da mistura, então... ecaaa!!!!

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Garota consulado às órdens.
Assuntos consulares? Vistos?
Pode peguntar.

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

"E o meu lugar é esse
Ao lado seu, meu corpo inteiro
Dou o meu lugar pois o seu lugar
É o meu amor primeiro
O dia e a noite as quatro estações"

...ai, ai.

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Você sabe redigir ofícios?
Eu sei.
hihihihi.

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Essa é pra Renata Carneiro.

Nada melhor do que almoçar no Mensateria com as "meninas" do trabalho e papear, ouvir e crescer sempre.
Melhora muito o humor e alegra o coração...

New companies. Good feelings.
Lágrimas.
Minha melhor terapia.
Eu sei que ando um pouco melancólica, mas é um pequeno momento.
Hoje é sexta e eu vou ver o meu amor...
...e isso me deixa muito feliz.

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Às vezes me sinto tão só...
Tão rodeadas de amigos, de pessoas, mas só.
Uma pedra no meio do oceano. Uma flor no meio da pedra. Sozinha.
Não quero mais saber de você.
O que vem de mim também não lhe interessa.
Mente pra mim e eu pra você.
Me faz falta e às vezes não.
As pessoas mudam? Sim. Mas não a ponto de não serem reconhecidas.
Ando um pouco assustada com as pessoas.
Ando um pouco menos a fim também.
Sei lá...

* estou um pouco triste...
...mas passa.

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Queria entender o motivo de toda vez que eu espirro, bocejo depois.
Eu, hein?!!!

*Feliz aniversário pra minha querida Loló.

terça-feira, 13 de outubro de 2009

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

"Não desvie a minha estrela.
Não desloque a linha reta."

terça-feira, 6 de outubro de 2009

"Não tenho tempo pra mais nada, ser feliz me consome muito."
Clarice

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Hoje senti uma emoção tão grande que há muitos não sentia.
Estávamos todos reunidos no auditório, assistindo ao telão e almoçando. Todos juntos. Torcendo. Emanando energia positiva.
Foi uma alegria só quando o Presidente do Comitê Olímpico Intenacional anunciou: Rio de Janeiro!!!!!
Nossa.
Chorei muito. Ri muito. Vibrei muito.
Foi um dos melhores momentos da minha vida.
Gostaria de dar um abraço, um beijo e meus mais sinceros e felizes parabéns para Carlos Arthur Nuzman, meu presidente, chefe e motivo de admiração.
Ele merece.
Nós merecemos.
O Rio merece.
O Brasil merece.
Foi demais.
Queria poder descrever com palavras o que realmente senti, mas não consigo...
É isso aí... 2016 é nosso!
* Nuzman entrou pra história do esporte brasileiro e mundial. Ele merece o maior respeito e admiração do mundo. Estará nos livros de história que meus filhos irão estudar. Ele é demais.
Parabéns à equipe 2016, perabéns para nós do COB, parabéns para todos que participaram dessa campanha linda e merecedora.
Aiiiiiiiii!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Estou MUITO feliz!!!!!!!!!!!

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Mondrian


Sábado tenho uma festa anos 60 pra ir.
E eu quero ir assim.

"A roupa mais bonita para vestir uma mulher são os braços do homem que ela ama. Para as que não tiveram essa felicidade, eu estou aqui."
Yves Saint Laurent, falando sobre o seu trabalho

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Você sente a brisa do mar o tempo todo.
Não tem que se preocupar com carro ou trânsito.
Belas ruas, belas pedras, belas praças, belas praias.
No meio da bahia de Guanabara, nem parece que estamos no Rio de Janeiro.
E tem o baobá. Ahhh...o baobá que tanto me emocionou ao encontrá-lo.
Fui feliz por um fim de semana inteiro.
Maravilhas dessas que você tem vontade de sentir sempre.
Visitem Paquetá. Sejam felizes. Sintam o prazer de caminhar e pedalar e beijem o baobá.

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Não, eu não quero ter um twitter.

Beijotchau.

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Completando o post anterior.

...e como tem gente fundamental.
Que alegria ter amigos.
É tão bom descobrir o valor que cada um tem na sua vida...
...melhor ainda é descobrir que existem uns que não tem valor nenhum.
Aí você vai e exclui.

* Nossa...como tem gente desnecessária.

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Às vezes eu tenho uns momentos esquisistos. Eu acho as pessoas esquisitas.
Tento comprender muito, entender as razões. Mas, de verdade, não entendo as pessoas.
É muito mais fácil jogar, perder e colocar a culpa no outro. E à partir daí culpar os erros alheios.
Quem só quer falar sobre o que lhe convém não me serve. Apesar de entender, como sempre, eu não gosto.
Eu não estou quando somente lhe convém.
Pra mim não serve.

"I've seen this happen in other people's Lives
Oh ... And now, now, now it's happening in mine
Happening in mine "

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Eu fico muito triste quando as coisas não acontecem do jeito que planejei. Me sinto um tanto frustrada por não ter conseguido.
Sei das "horas certas", dos "momentos certos", mas sei que ainda assim me sinto no direito de ficar chateada com tal acontecimento.
Até o fato de não ter show do The Killers me deixa pra baixo. Uno ainda às outras não conquistas.
Mas eu nunca desisto.
Eu sempre consigo e quase sempre não é na hora exata que eu quero. Portanto, se a profecia se concretizar, eu ainda vejo Killers (hihihihi).
Até.

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Sem show do Killers no Rio.
Não quero dinheiro de volta. Quero ver o show!

*merda.

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Eu amo o mês de setembro...
...sempre me traz boa sensação.

terça-feira, 8 de setembro de 2009


Quero te conquistar

Um pouco mais e mais a cada dia

Satisfazer tua vontade

Também me sacia

segunda-feira, 31 de agosto de 2009




Hoje eu queria somente encontrar palavras, uma que fosse, para definir o que estou sentindo...
...corações que flutuam.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Belchior desapareceu.
:(

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Eu sinto saudades do que não vivi. Sinto falta do que poderia ter acontecido...
É. Às vezes fico tentando imaginar como seria...

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

"O consumo de qualquer droga pode levar a outra, e a droga mais relacionada ao tabagismo é o álcool. E quando o tabagismo está associado ao álcool, o consumo de cigarro tende a triplicar, o que pode precocemente causar doenças graves." É o que afirma o vice-pneumologista e coordenador do Núcleo de Apoio à Prevenção e Cessação do Tabagimo da Unifesp (PrevFumo), Sérgio Ricardo de Almeida Santos.

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Chá verde

Estou viciada em chá verde. Tanto que uma lata, para mim, é insuficiente.
Tomo também, pela manhã, chá verde quente.
Nossa...é uma das melhores descobertas que tive. É um sabor maravilhoso. É meio "amarguinho" mas é tudo de bom. Eu GOSTO MUITO dos alimentos amargos e não me atrai, nem um pouco, o doce. Portanto, para mim, não é sacrifício nenhum...para algumas pessoas sim.
Mas o melhor de tudo é que é por demais saudável. Faz bem à saúde e eu uno o útil ao agradável.
* Na minha opinião, o natural ou com limão saõ os melhores. Minha mãe comprou um com maracujá e achei péssimo.
* E do gelado a melhor marca é o Feel Good. Não gostei de nenhuma outra que já provei até agora.

Benefícios do chá verde:
Considerado atualmente um aliado da saúde por ser rico em flavonóides - substâncias antioxidantes que ajudam a neutralizar os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento celular precoce. Também está comprovado que o chá verde ajuda a diminuir as taxas de colesterol e ativa o sistema imunológico. As virtudes do chá verde na prevenção do câncer, já muito divulgadas atualmente, vêm do fato de que ele é rico em bioflavonóides e catequinas, substâncias que bloqueiam as alterações celulares que dão origem aos tumores.
Além de conter manganês, potássio, ácido fólico e as vitaminas C, K, B1 e B2, ajuda a prevenir doenças cardíacas e circulatórias por conter boa dose de tanino: o consumo diário desse chá diminui as taxas do LDL (colesterol que faz mal à saúde) e fortalece as artérias e veias.
Mas as boas notícias não acabam aí: está comprovado que o chá verde acelera o metabolismo e ajuda a queimar gordura corporal. Um dos estudos foi realizado na Suíça com três grupos de pessoas que seguiram a mesma dieta. O resultado: o grupo que recebeu chá verde teve aumento de 4% na velocidade de combustão das calorias no organismo e de 5% na queima de calorias em relação aos outros dois grupos pesquisados. Um estudo publicado no American Journal of Clinical Nutrition, demonstrou que extrato de chá verde - que possui altas concentrações de antioxidantes como catequina, polifenóis e muitos outros compostos incluindo cafeína - pode aumentar a utilização de energia muito acima dos efeitos da cafeína pura.
Pesquisadores acreditam, ainda,que o hábito de beber chá em vez de café é um dos fatores responsáveis pelo menor índice de infarto em países do Oriente. E como se não bastasse, comprovou-se também que as substâncias presentes no chá verde ajudam a prevenir cáries, têm ação antiinflamatória e antigripal, ativam o sistema imunológico e regeneram a pele. Os princípios curativos e regeneradores da Camellia sinensis enriquecem os cosméticos que prometem recuperar o viço da pele e dos cabelos. Tanto que as indústrias de cosméticos incluem os extratos das folhas em fórmulas de produtos como cremes e loções. Substâncias presentes na Camellia sinensis também dissolvem gorduras e são eficazes no tratamento de celulite e gordura localizada.
E para e pele mais um benefício: por ser rica em tanino, substância com propriedades anti-séptica e adstringente, a planta é indicada também para limpar e equilibrar peles oleosas. Na edição de 3 de março de 2004, a Revista Veja publicou uma matéria anunciando a mais recente novidade que aumenta a lista de benefícios do chá verde. Ainda na área da dermatologia, a novidade é que o chá verde pode proteger contra os efeitos nocivos do sol. Segundo a revista, "o assunto foi um dos mais comentados do último congresso da Academia Americana de Dermatologia, por causa de um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Nova Jersey". Eles descobriram que o chá, transformado em creme, melhora o sistema de defesa das células da pele contra os raios ultravioleta do tipo B, aqueles responsáveis pelo vermelho-pimentão. Ao reduzir a inflamação causada por essa radiação, o chá verde aumentaria a proteção contra o câncer de pele. A descoberta pode ser o ponto de partida para a produção de uma nova família de loções.
retirado do site: www.jardimdeflores.com.br

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Li, me identifiquei e gostei.

"Será que dizer Eu Te Amo a uma pessoa em menos de uma semana após ter conhecido é certo? Mas o que é certo? Eu nunca vou conhecê-la por completo mesmo depois de uma década... Somos tão estranhos a nós mesmo, às vezes nem reconhecemos nossos atos... Eu já disse Te Amo à uma pessoa em menos de uma semana de amizade e até hoje o amo."
Geisiany Quintino Reis

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Ontem ganhei da minha amiga Carol um vinil dos Beatles. É uma coletânia muito bacana. Ganhei também umas fotos dos três Beatles: Paul, Ringo e George. Pena que não tinha do John.
Mas eu amei demais. Adorei o presente e a lembrança.
Isso é carinho. Isso é verdadeiro.
Sorte de quem a tem por perto.

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Novo velho som.

Às vezes eu penso: o que, de som novo, vai me impressioanr agora?
Pelo que me lembro, a banda mais nova que me impressionou nos últimos tempos foi Interpol. Eu não conhecia e quando ouvi fiquei apaixonada.
Depois conheci outras bandas e tal...mas não teve nada que eu ficasse escutando sem parar até enjoar a não ser as bandas"velhas".
Roubei (hihihi) um cd do Scorpions do Fábio. Um disco acústico que eles lançaram depois de uma turnê mega que fizeram. Eu ouvia direto. É muito bom metal acústico.
Mas agora estou ouvindo nada mais nada menos do que Belchior (década de 70) e Talking Heads (década de 70 até 90 - mas, na minha opinião é a década de 70 a melhor).
Ou seja, sempre volto ao velho.
Se bem que para quem nunca ouviu Talking Heads e ouve pela primeira vez, poderia muito bem compará-los às bandas indies da Inglaterra.
O som é por demais atual e muito bacana. Eles são muito criativos. Estou apaixonada. Não sai do som do carro.
Por fim, amanhã tem um show MUITO bacana com bandas MUITO bacanas na Lona de Guadalupe : Os Abreus, Gigante Animal, Rockz e Habitantes. Vai ser fantástico. Todas as bandas são boas e quem não for, vai perder.
Até mais.

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Amanhã é aniversário da pessoa que Deus colocou na minha vida quando eu tinha 4 anos de idade. A pessoa que mais sabe de mim. Que me ama sem questionar. Que me conhece só de olhar.Que existe para mim como uma pessoa muito importante. Que é linda e deslumbrante e que sabe que pode contar comigo pro que der e vier. Que eu amo demais e respeito demais.

Feliz aniversário para minha amiga Robe. A minha querida Robe.

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Com esse friozinho delicoso, ficar deitada, enrolada, lendo e ouvindo meus cds novos.
Essa é a programação de hoje.

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Acho que estou apaixonada pelo Belchior...

"Você não sente nem vê
Mas eu não posso deixar de dizer, meu amigo
Que uma nova mudança em breve vai acontecer
E o que há algum tempo era jovem novo
Hoje é antigo,
e precisamos todos rejuvenescer

No presente a mente, o corpo é diferente
E o passado é uma roupa que não nos serve mais
No presente a mente, o corpo é diferente
E o passado é uma roupa que não nos serve mais"

quarta-feira, 29 de julho de 2009

"Amar e mudar as coisas me interessa mais"

Deus queira que eu permaneça assim como eu sou. Que o que mude em mim seja o que ainda tenho de ruim e só venham coisas boas de mim para os outros.
Eu quero amor. Quero amar.
Quero apenas ser eu mesma e continuar tendo meus amigos, meu amor, minha família.
Não preciso de muito. Preciso somente do que é meu.
Eu tento sempre fazer o bem. Às vezes eu erro. Mas a única coisa que me motiva nessa busca do meu melhor eu é quando eu vejo o sorriso de quem me ama dizendo, sem palavras, que me ama mesmo assim. Que eu faço falta quando não estou por perto e que quando estou é bom demais.
Obrigada.

"eu não estou interessado em nenhuma teoria
em nenhuma fantasia nem no algo mais
amar e mudar as coisas me interessa mais"

segunda-feira, 27 de julho de 2009

Ouça Belchior e veja com outros olhos.

"Eu não estou interessado
Em nenhuma teoria
Em nenhuma fantasia
Nem no algo mais
Nem em tinta pro meu rosto
Ou oba oba, ou melodia
Para acompanhar bocejos
Sonhos matinais...
Eu não estou interessado
Em nenhuma teoria
Nem nessas coisas do oriente
Romances astrais
A minha alucinação
É suportar o dia-a-dia
E meu delírio
É a experiência
Com coisas reais...
Um preto, um pobre
Uma estudante
Uma mulher sozinha
Blue jeans e motocicletas
Pessoas cinzas normais
Garotas dentro da noite
Revólver: cheira cachorro
Os humilhados do parque
Com os seus jornais..."

quinta-feira, 23 de julho de 2009

" sonho que se sonha só, é só um sonho que se sonha só. mas sonho que se sonha junta, é realidade."

quarta-feira, 22 de julho de 2009

"Agora que você me conhece
Eu estou me sentindo preso ao que me afasta
Você nunca sonhará em acabar com isso."

da música Our Time is Running Out - Muse.
...estar ao meu lado por merecimento.

Quem merece mais? Eu ou você?

terça-feira, 21 de julho de 2009

Hoje eu não quero te ver. Não quero falar com você e nem saber nada a seu respeito.
Quero ficar sozinha. Saber de mim e entender as coisas que me dizem respeito.
Hoje tive dúvidas.

* ainda sou muito menina para ir para essa nova fase do jogo. Ou sou menina demais para receber o que me dá.

Acho que não sou de ninguém e às vezes, nem minha quando eu mesma não acho as partes que me faltam...

sábado, 18 de julho de 2009

Achei isso na internet:

Seu modo de pensar e agir incomoda as pessoas?
Ás vezes vc se sente até perseguido(a) por ser autêntico(a) demais??Beijos amigos e amigas e obrigada pelas respostas!!!!!!!!

Melhor resposta - Escolhida pelo autor da pergunta
Incomoda, mas eu não me incomodo com isso.Quem não vive como pensa, acaba pensando como vive. Aprender a observar a realidade do ser pessoal e do ser social é a melhor forma de compreender o limite que existe nas coisas e nas pessoas. Caso contrário, gastar-se-ia tempo moendo água, encontrando defeitos onde existem apenas características. Com certeza assim, seremos mais tolerantes com os outros e conosco próprios.Tenho orgulho da minha autenticidade, que se dane quem se incomodar.

Bjoo - boa noite

hehehe.

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Tem revolta não.
Eu já fiz minha decisão: ser feliz como jamais fui.
E você pode seguir seu caminho.
Dele eu já saí. Naquela curva a quilômetros de distância.
De você eu nem me lembro mais...não tanto assim...
O absorvido, se absorveu.
O que era perdido já se perdeu.
Tempo, senhor da razão.
Sabedoria, paciência, determinação.

segunda-feira, 13 de julho de 2009

Deixa - Os Abreus

deixa tudo acontecer
deixa o vento nos levar
não existem promessas, nem existe ilusão
juntos criamos um mundo real
deixa a porta aberta
deixa o silêncio da noite entrar
caminhe a meu lado, descubra comigo
horizontes em outro lugar
e fugir para outra dimensão
numa espaço-nave
desembarcar em qualquer estação
em um trem de prata

*Porque essa música é linda.
*Porque hoje é dia mundial do Rock.
*Porque eu amo essa banda e estou com saudades também.

sexta-feira, 10 de julho de 2009

Ele está tão grande... está tão bonito.
Está mais grandioso a cada dia que passa.
Essa progressão me alegra e tranquiliza...

...Ai, esse amor que eu tanto sonhei e que hoje possuo.

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Obstacle 1 - Interpol

"It's in the way that she walks
Her heaven is never enough"

terça-feira, 7 de julho de 2009

Tem horas que a gente se pergunta
Por que é que não se junta tudo numa coisa só?
O Teatro Mágico.
"Se hoje chovesse , eu seria pingos de amor"

segunda-feira, 6 de julho de 2009

"Estou passando pela minha melhor transição"
Junior Abreu

Estou descobrindo uma nova fase na minha vida. Uma fase muito diferente, complexa e interessante.
É algo simplesmente confuso (adoro antíteses)
Taí. Eu sou uma antítese metamórfica.
Estou passando por uma mudança boa. Uma etapa da vida que estou curtindo muito.
Um momento diferente de tudo que imaginei viver... algo que jamais imaginei sentir.
Tenho andado introspectiva, porém aberta. Sem esconder nada.
Hoje (no dia de hoje) estou um pouco triste. A minha alegria se desmorona a cada erro que me pertence. E, ultimamente, o meu maior erro é continuar sendo eu mesma. Nem todo mundo está preparado para mim. Eu não sou comum. Brigo comigo mesma por ser assim.
Eu vou mudar...pelo menos tentar.
E as mudanças serão percebidas.
E espero assim, me fazer ser melhor entendida.

quinta-feira, 2 de julho de 2009

"Se tu vens às quatro da tarde, desde às três eu começarei a ser feliz."

terça-feira, 30 de junho de 2009

Li umas coisinhas de um cara chamado Caio Fernando Abreu. É bom demais.

" Num deserto de almas também desertas, uma alma especial reconheceu imediatamente a outra"

segunda-feira, 29 de junho de 2009

A mesma.

Eu tenho dado tanto valor ao meu tempo livre... antes ele era ocupado de maneira bem diferente de agora.
Hoje eu quero e preciso ficar em casa. Ler meus livros me deixa muito feliz. Assistir aos filmes que comprei e ainda não vi.
Não quero a internet nestes momentos. Não quero o muito. Quero o simples. O pouco. O suficiente.
Não quero mais consumir minhas horas com cerveja no bar. Não todas as horas livres. Não gosto mais.
Quero meus amigos sempre ao meu redor. Os amo por demais.
Mas agora são meus amigos, meus livros, meus filmes, minha família, meu amor e meu tempo.
Meu quarto e minha Lisa Marie. Minha cama e minha luminária. Meus cds e meu som.
Estou descobrindo outras coisas em mim. Outos valores. Outras prioridades.
Meu pai chama isso de amadurecimento. Minha mãe fica feliz com essa nova fase.
Mas a certeza que tenho é que estou feliz assim.
A mesma vida, os mesmos conceitos. Apenas repeitando mais o meu espaço.
A mesma.

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Seres humanos. Seres egoistas.
Eu também sou. Egoísta e humana.
Difícil conviver. Difícil entender.
Coloque-se no lugar...talvez você não fizesse o mesmo. Talvez.
Talves fizesse.
Busca diária de compreensão, bom convívio e gentileza.
E assim vou amadurecendo. Lembrando de quando eu tinha 13 e queria ter 18. E como eu era feliz...
Mas eu tinha meus problemas. Grandes para aquele momento. Grandes para mim. Pois é assim...para mim isso e para você aquilo.
E lá se vai mais um dia...

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Amar o perdido
deixa confundido
este coração.

Nada pode o olvido
contra o sem sentido
apelo do Não.

As coisas tangíveis
tornam-se insensíveis
à palma da mão.

Mas as coisas findas,
muito mais que lindas,
essas ficarão


CDA

* só porque reli hoje e resolvi publicar... e porque é lindo demais.

sexta-feira, 19 de junho de 2009

New age.

Venha, nova era.
... vem que estou pronta.
Não temo os desafios. Aceito as condições.
O que vem por merecimento, não se esvai pelas mãos.
Disso eu tenho certeza.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Nada muda essa alegria. Nada tira esse prazer.
Até o seu mau-humor é encantador...mas eu nunca vou te contar isso.
Prefiro guardar só pra mim essa boa sensação de admirar em você o que mais reclamo.

terça-feira, 16 de junho de 2009

Eu sou isso...
Eu sou aquilo...
"O problema é que quero muitas coisas simples, então pareço exigente."
Achei essa frase da fernanda Young bastante legal para resumir um pouquinho do que sou.

segunda-feira, 15 de junho de 2009

" O nosso verdadeiro lugar de nascimento é aquele em que lançamos pela primeira vez um olhar de inteligência sobre nós próprios"

Marguerite Yourcener

sábado, 13 de junho de 2009

Noite de 12 de junho.
Pick nick no tapete do quarto.
Presentes.
Filme.
Beijo.
Eu amo você.

quarta-feira, 10 de junho de 2009


Se você ama uma pessoa e essa pessoa lhe ama, pronto. Relacionamento perfeito.
O problema é que vem junto com o "eu te amo" as diferenças e o dia-a-dia se torna um eterno vamostentarserfelizesparasempre.


...ai, ai...



terça-feira, 9 de junho de 2009

Já são três anos... e eu estou de saco cheio.
Você é muito difícil de lidar, de conviver. Eu também.
Você muda de humor do nada. Eu também.
Tem bondade, amizade bonita, é cúmplice. Mas vacila no lidar, vacila no dia a dia.
Se eu não estiver feliz, não vou descontar em você. Disso você nunca vai poder reclamar.
É uma das maiores provações que tive (tenho) que passar na minha vida... passar por cima pra fazer ficar tudo bem.
E eu sempre quero que fique tudo bem.
O mais difícil pra mim é entender quando eu posso falar, quando eu posso chegar e isso me incomoda demais. Não concordo que a vida deva ser dessa maneira.
É por isso que tantas pessoas não gostam de você. O seu mau-humor supera, às vezes, sua alegria...
Não deixe que isso passe por cima de quem você é... e os ensinamentos que você tanto prega?Assim fica difícil acreditar em tudo...
A vida não é só seu umbigo. É o meu e de todos que convivemos também...então, vamos aprender a viver.
Eu estou irritada.
Dessa vez, eu cansei. Não vou peguntar o que houve, não vou baixar a guarda...dessa vez não. Não mais. Não quero mais...
Sinto muito quando eu canso de alguma coisa...pois quando eu canso, eu canso mesmo. Por muitos e muitos tempos. Talvez pra sempre.
Sei do seu grande coração. Sei do seu amor...mas vejo que o meu está abalado por uma coisa que parece à toa, mas que para mim está sendo difícil demais.
Vamos ver onde vai dar essa curva...

segunda-feira, 8 de junho de 2009

O velho e o moço.

Às vezes penso como a vida é curiosa conosco, pobres mortais... Uns vivem, outros morrem. Uns tem uma família tranquila, outros vivem cercados de guerras em casa. Uns tem boa saúde, outros já nascem deficientes. Uns tem um bom emprego, outros não conseguem arranjar nenhum. Uns entram no avião que cai e desaparece, outros simplesmente perdem o vôo ou desistem dele.
Ainda bem que estudo o espiritismo (Allan Kardec). Ainda bem que tenho algum conhecimento sobre isso, pois, de fato, é o que me conforta... mas ainda assim, questiono muito.
Se por merecimento a vida me dá o que eu tenho...é também porque escolhi ou aceitei. São consequência dos meus atos, atitudes, palavras, pensamentos.
Então, sinto que o melhor é ser o melhor. O melhor para você mesmo e para seu próximo. Tentar sempre ser melhor sem nunca passar por cima de ninguém.
"Ahhh olha, se não sou eu
quem mais vai decidir
o que é bom pra mim?
Dispenso a previsão
Ahhh, se o que eu sou
É também o que eu escolhi ser
aceito a condição"
Los Hermanos.


quinta-feira, 4 de junho de 2009

Sonho de uma flauta

Nem toda palavra é aquilo que o dicionário diz
Nem todo pedaço de pedra
Se parece com tijolo ou com pedra de giz
Avião parece passarinho que não sabe bater asa
Passarinho voando longe parece borboleta que fugiu de casa
Borboleta parece flor que o vento tirou pra dançar
Flor parece a gente pois somos semente do que ainda virá
A gente parece formiga lá de cima do avião
O céu parece um chão de areia
Parece descanso pra minha oração
A nuvem parece fumaça tem gente que acha que ela é algodão
Algodão às vezes é doce mas, às vezes, é doce não
Sonho parece verdade quando a gente esquece de acordar
E o dia parece metade quando a gente acorda e esquece de levantar
Ah! E o mundo é perfeito!?!E o mundo é perfeito!?!E o mundo é perfeito.
Eu não pareço meu pai, nem pareço com meu irmão
Sei que toda mãe é santa, sei que incerteza traz inspiração
Tem beijo que parece mordida,tem mordida que parece carinho
Tem carinho que parece briga,tem briga que aparece pra trazer sorriso
Tem sorriso que parece choro,tem choro que é pura alegria
Tem dia que parece noite e a tristeza parece poesia
Tem motivo pra viver de novo,tem o novo que quer ter motivo
Tem sede que morre no seio,nota que fermata quando desafino
Descobrir o verdadeiro sentido das coisas
É querer saber demais
Querer saber demais

O Teatro Mágico.
Dia 10 de junho na Fundição.
Bora?

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Ode a Varona

O verdadeiro corvo adeja quando a alma provoca e depois larga
O brilho de outra gema, perdida atrás de vidros, Varonil Varona.
De quantos bebês já quis que seu fosse o nome, nunca meus.

O que a embala esbarra solta pra cair,
Tuas pernas sustentam-te tão longas.
Não é preciso mais fazer questão, asas partem
A nunca mais, te arranjam a qualquer canto.

Pousam-me sombras nos ombros, sobrancelhas
Para os olhos, gentis cavalheiros doutra história
Que, atenta, a desse preto a desbravar sem tinta.

E o que fica no peito, à sinistra, é a indiferença exangue
Não do vazio, mas dum frio misto de forças que se anulam.
Céu de chumbo invertendo os pólos em gravidade nata
São traços fendidos nos furos que Varona revoa pelo nada.

Luiz Felipe Alencastro. Dia 23 de maio de 2009.

terça-feira, 2 de junho de 2009

Trimmm...
Trimmm...
- Oi, Papi.
- Oi, Paba. Estou aqui naquele estande que vende dvd. Você quer que eu compre algum?
- A ligação está péssima...
- Quer que eu compre algum pra você?
- Quero sim... "a pequena miss sunshine, Kill Bill 1 e 2...caraca. A ligação está horrível."
- Então, tá. beijo.

SMS:
" A pequena Miss Sunshine, Kill Bill 1 e 2, Os excêntricos Tenembauns, Laranja mecância, ensaio sobre a cegueira, Clube da luta, Noiva cadáver ou qualquer um do Tim Burton"

-Oi. Trouxe "ensaio sobre a cegueira".
-Legal. Depois vou querer assistir novamente mesmo. Eu gosto de ter em dvd os filmes que mais gosto para rever a hora que quiser.

Hoje.
SMS:
" Estou levando os cheques para o trabalho a fim de assiná-los todos. À noite lhe entrego."
SMS:
" Que alívio. Já ia convovar Kill Bill para que a pequena miss sunshine se transformasse numa noiva cadáver. Pensei que ela tivesse ensaiado sobre a cegueira e matriculada em um clube da luta."

*Ele é demais...
...lindo demais.

segunda-feira, 1 de junho de 2009

On my own.

Eu amo muitas pessoas e desejo bem a todas elas.
Mas estou no MEU momento. Eu não vou mais passar por cima de mim para viver determinada situação que não me agrada por completo.
Sei que cada um tem seu tempo, que uns são mais inexperientes, outros mais novos mesmo, outros com seus momento fúteis (todo mundo tem os seus e são legais sim!), mas agora é o meu momento que mais importa na minha vida.
Quero curtir cada lado desse novo viver que se abriu em meu caminho. Essa nova etapa que é a de ser quem eu realmente sou, sem passar por cima de ninguém e dando valor ao que é meu.
A cada dia que tem passado, repenso meus valores. Presto atenção aos meus. Eu quero coisas singelas. Quero somente ser feliz...aliás, continuar sendo.

domingo, 31 de maio de 2009

Dois Rios



O céu está no chão
O céu não cai do alto
É o claro, é a escuridão

O céu que toca o chão
E o céu que vai no alto
Dois lados deram as mãos
Como eu fiz também
Só pra poder conhecer
O que a voz da vida vem dizer

Que os braços sentem
E os olhos vêem
Que os lábios sejam
Dois rios inteiros
Sem direção

O sol é o pé e a mão
O sol é a mãe e o pai
Dissolve a escuridão

O sol se põe se vai
E após se pôr
O sol renasce no Japão

Eu vi também
Só pra poder entender
Na voz a vida ouvi dizer

Que os braços sentem
E os olhos vêem
E os lábios beijam
Dois rios inteiros
Sem direção

E o meu lugar é esse
Ao lado seu, meu corpo inteiro
Dou o meu lugar pois o seu lugar
É o meu amor primeiro
O dia e a noite as quatro estações

Que os braços sentem
E os olhos vêem
E os lábios sejam
Dois rios inteiros
Sem direção

O céu está no chão
O céu não cai do alto
É o claro, é a escuridão

O céu que toca o chão
E o céu que vai no alto
Dois lados deram as mãos

Como eu fiz também
Só pra poder conhecer
O que a voz da vida vem dizer

Que os braços sentem
E os olhos vêem
E os lábios beijam
Dois rios inteiros
Sem direção

E o meu lugar é esse
Ao lado seu, no corpo inteiro
Dou o meu lugar pois o seu lugar
É o meu amor primeiro
O dia e a noite as quatro estaçõem
Que os braços sentem
E os olhos vêem
Que os lábios sejam
Dois rios inteiros
Sem direção

Que os braços sentem
E os olhos vêem
E os lábios beijam
Dois rios inteiros
Sem direção


quinta-feira, 28 de maio de 2009

Ontem eu a vi...conversamos e nos divertimos. Mas seu sorriso não era sincero, não era feliz.
Eu sei o que ela quer...ela sabe o que quer. O que ela não quer é viver mais uma vez o que está vivendo. Porém, agora, é tudo o que ela tem. Difícil sair.
O simples dessa vida é por a culpa na própria vida. Aceitar e depois culpá-la... mas ela é esperta e no momento certo ela vai decidir.
Segunda opção nunca fez parte de seus planos. Quando der também não...
Ela vai ser feliz. Ela vai ter o que merece assim que se livrar das coisas maléficas que a cercam...
Disso eu sei.

" Um dia ela já vai achar um cara que lhe queira como você não quis fazer.
Sim, eu sei, ela só vai achar um cara que lhe queria como você não quis..."

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Eu gosto de te ver chegar com seu suéter novo, neste dia tão especial e de maneira sempre especial...
...o melhor é que você existe.

segunda-feira, 18 de maio de 2009

" É tão certo quanto o calor do fogo.
Eu já não tenho escolha e participo do seu jogo."

sexta-feira, 15 de maio de 2009

"É tão difícil falar e dizer coisas que não podem ser ditas. É tão silencioso. Como traduzir o silêncio do encontro real entre nós dois? Dificílimo contar. Olhei pra você fixamente por instantes. Tais momentos são meu segredo. Houve o que se chama de comunhão poerfeita. Eu chamo isto de estado agudo de felicidade."

Clarice, mais uma vez falando pr mim...

quinta-feira, 14 de maio de 2009

Ontem assisti Divã.

Put´s!

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Esses questionários me fazem ter a sensação de estar sendo entrevistada...

Onde está seu celular? Na minha frente, em cima da mesa do computador.
E o amor? Está aqui dentro...
Cor do cabelo? Atualmente marrom caramelo, Imedia nº 4.25
O que mais gosta de fazer? Pensei...tem muitas coisas que gosto de fazer, mas algo que me dá muito prazer e me deixa feliz é assitir a um show de uma banda ou artista que gosto.
O que você sonhou na noite passada? Só sei que hoje acordei de um sonho bom que eu queria gravar
Onde você está? Comitê Olímpico Brasileiro
Onde você gostaria de estar agora? No asteróde B 612
Onde você gostaria de estar em seis anos? No asteróide B 612
Onde você estava há seis anos? Por aí...
Onde você estava na noite passada? Na casa do Diguinho. Antes estava no Luz e amor com ele.
O que você não é? Desonesta.
O que você é? Justa.
Objeto do desejo? Uma Kombi antiga original, uma vitrola, Elvis Presley, uma ovelha, Londres, um Infinity...tem um montão.
O que vai comprar hoje? Diminut.
Qual sua última compra? Um batom.
A última coisa que você fez? Falei ao telefone com minha mãe.
O que você está usando? Um terninho azul marinho com blazer pespontado de branco, camiseta branca e escarpin preto.
Seu animalzinho(s)? Lisa Marie Presley. A flor mais linda do meu jardim.
Seu computador? Muitas fotos.
Seu humor? Meio mau-humorada.
Com saudades de alguém? Sim.
Seu carro? Legal...me leva onde quero.
Última coisa que comeu? Um cone de salmão e um yakisoba.
Preguiça de… ? falar, às vezes.
Próxima coisa que pretende comprar? Uma Stella Artois.
Seu verão? Prefiro falar de outono.
Quando foi a última vez que deu uma gargalhada? Ontem à noite.
De nervoso? Não lembro.
Quando chorou pela última vez? Semana passada.

terça-feira, 12 de maio de 2009

Já escrevi diversos "posts" aqui hoje... assunto não me falta. Muitas coisas acontecem, muitas coisas sinto, vejo e penso...
... mas não sei. Não estou conseguindo.
Talvez pelo monte de coisas que tenho que terminar e resolver aqui no trabalho. Ou por ter uma criança doente na família, possivelmente meningite (!) ou por ser essa pessoa de sentimentos misturados que se embaralham em meu coração e peito.
É...queria ser menos pensante...acho que me daria melhor.
Mas gosto de ser assim. Gosto de atitudes e atos. Nem sempre os mais certos, mas sempre os que mais cabem em meus princípios.

* vacations please!!!

segunda-feira, 11 de maio de 2009

Como vovó já dizia...

O melhor da vida é quando percebemos os possíveis erros a tempo e saimos fora. Devemos tentar...mas chega uma idade que não precisamos "pagar pra ver".
O tempo ainda é o melhor remédio, como dizia minha avó.
Nada melhor do que crescer e amadurecer.
E ter amigos.

sexta-feira, 8 de maio de 2009

*Foi a melhor poesia que achei para remeter como me sinto hoje, dia 08 de maio de 2009.
Estou bem melhor. Mais forte. Mais seleta e mais clara.
Hoje sou luz. Sem sombra.


Eu apenas queria que você soubesse
Que aquela alegria ainda está comigo
E que a minha ternura não ficou na estrada
Não ficou no tempo presa na poeira
Eu apenas queria que você soubesse
Que esta menina hoje é uma mulher
E que esta mulher é uma menina
Que colheu seu fruto flor do seu carinho
Eu apenas queria dizer a todo mundo que me gosta
Que hoje eu me gosto muito mais
Porque me entendo muito mais também
E que a atitude de recomeçar é todo dia toda hora
É se respeitar na sua força e fé
E se olhar bem fundo até o dedão do pé
Eu apenas queira que você soubesse
Que essa criança brinca nesta roda
E não teme o corte de novas feridas
Pois tem a saúde que aprendeu com a vida
Eu apenas queria que você soubesse
Que aquela alegria ainda está comigo
E que a minha ternura não ficou na estrada
Não ficou no tempo presa na poeira
Eu apenas queria que você soubesse
Que esta menina hoje é uma mulher
E que esta mulher é uma menina
Que colheu seu fruto flor do seu carinho
Eu apenas queria dizer a todo mundo que me gosta
Que hoje eu me gosto muito mais
Porque me entendo muito mais também

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Uma descoberta.

Às vezes, na vida, pensamos que o inacessível é o que mais importa. O difícil é o que mais vale...
Ontem tive uma sensação, depois de me abrir com uma amiga, de que de verdade o que vale é o que a gente tem. Tá certo que muitos vão pensar: "Ohh..só você não sabia disso..."
As conquistas são MUITO importantes. Sempre. São elas que nos estimulam a querer mais e conseguir mais. Mas o devido valor dado ao que se tem é por demais importante.
Recebi um presente dessa coisa chamada vida que quis, sem dúvidas e questões, estar e permancer ao meu lado. Estranhei, pois até hoje, nada veio de mão beijada. E por algum momento eu rejeitei...
Queria que soubessem, queridos leitores (os poucos que aqui visitam) que tenho pra mim o melhor presente que pude desejar. Ser amada e querida.
Acordei hoje sem uma ponta de dúvida.
E tenho dito.

quarta-feira, 6 de maio de 2009

O Vento
Los Hermanos


Composição: Rodrigo Amarante

Posso ouvir o vento passar,
assistir à onda bater,
mas o estrago que faz
a vida é curta pra ver...
Eu pensei...
Que quando eu morrer
vou acordar para o tempo
e para o tempo parar:
Um século, um mês,
três vidas e mais
um passo pra trás?
Por que será?
... Vou pensar.

- Como pode alguém sonhar
o que é impossível saber?
- Não te dizer o que eu penso
já é pensar em dizer
e isso, eu vi,o vento leva!
- Não sei mais
sinto que é como sonhar
que o esforço pra lembrar
é a vontade de esquecer...
E isso por que?
Diz mais!
Uh... Se a gente já não sabe mais
rir um do outro meu bem então
o que resta é chorar e talvez,
se tem que durar,
vem renascido o amor
bento de lágrimas.
Um século, três,
se as vidas atrás
são parte de nós.
E como será?
O vento vai dizer
lento o que virá,
e se chover demais,
a gente vai saber,
claro de um trovão,
se alguém depois
sorrir em paz.
Só de encontrar...

terça-feira, 5 de maio de 2009

"Se Flavia fosse uma fenda no meio de uma pedra , nasceria um musguinho em nela , tal sua vontade e busca de ser "

By Mauro Celio

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Sabe aqueles dias em que nada é suficiente? Ou que você não se acha suficiente? É isso aí... eu não sou suficiente.

quinta-feira, 30 de abril de 2009


Ainda sobre estar dirigindo x música.
Eu fico pensando muito e tentando adivinhar a música que a pessoa do carro ao lado está ouvindo.
Às vezes eu vejo a pessoa dentro do carro cantando com muita emoção, mas não sei o que é... tento identificar o ritmo e tudo, mas é frustrante (hihi).
Tem também uma outra situação em que eu estou ouvindo uma música. Daí, olho para alguém na calçada ou até no carro ao lado se movimentando de maneira que se encaixa no ritmo da música que estou ouvindo. Aí faço as minhas edições mentais e monto todo o meu video clipe daquela canção.
Caraca...é muito maneiro fazer isso.

terça-feira, 28 de abril de 2009

...E eu ainda sou bem moço.

Hoje estava dirigindo, indo pro trabalho, ouvindo Belchior (Rapaz latino americano).
Gosto demais...mas tento entender algumas de suas composições. Acho que passavam tantas coisas pela cabeça dele no momento de compor que cada canção tem vários significados, várias interpretações e diversas direções.
Muito fantástico o cara escrever aquilo tudo, cantar daquela maneira digamos, um pouco confusa de se entender, e ser lindo.
Amo demais.
De quebra, vou colocar aqui a letra de uma linda melodia que ele cantou:

Quero desejar, antes do fim,
pra mim e os meus amigos,
muito amor e tudo mais;
que fiquem sempre jovens
e tenham as mãos limpas
e aprendam o delírio com coisas reais.
Não tome cuidado.
Não tome cuidado comigo:
o canto foi aprovado e Deus é seu amigo.
Não tome cuidado.
Não tome cuidado comigo,que eu não sou perigoso:
- Viver é que é o grande perigo

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Once upon a time.

Era uma vez duas amigas. Duas grandes amigas.
Elas cresceram juntas.
Viveram toda a história de uma vida. Todos os seus acontecimentos: Escola juntas, família, amigos, primeiro namorado, primeiro beijo, primeiro cigarro escondido da mãe, primeiro porre, namoros, términos, novos namoros, novos términos, shows, festas, casamentos de amigas e amigos, filhos deles, morte na família, nascimento, bons momentos, maus momentos. Elas simplesmente compartilharam de tudo isso - sem tirar nem pôr.
Elas gostam das mesmas coisas - quase tudo.
Elas sabem o que é diversão.
Elas chamam muita atenção.
Todos que viram amigos de uma, tornam-se amigos da outra.
Uma vai ser madrinha do casamento e do filho da outra.
Elas realmente se amam mesmo.
Elas sabem viver. Sabem o que é o respeito e que essa amizade será eterna.
Problemas? Sim.
Discussões? Sim.
Dificuldades? Sim.
Elas são felizes...pois, de verdade, nunca vi amizade tão linda.
Outras pessoas aparecem na vida delas. Entram e ficam. Cada um com sua grande importância. O que difere o sentimento que elas tem uma pela outra é que são 27, quase 28 anos de conquista diária. Dias esses em que o amor aumenta e a amizade passa por cima de tudo.
Elas se completam. Se amam e se respeitam.
E assim, viveram (ão) felizes para sempre.

domingo, 26 de abril de 2009

A vida não é uma festa.

Nunca achei que a vida é uma festa.
Nunca concordei com isso...
Não acho que devemos viver cada dia como se fosse o último sem pensar no amanhã. Não acho. Isso faz com que sejamos sem regras, sem rédeas.
Não concordo.
Não devemos passar por cima de ninguém... não devemos pensar que o que importa é o agora e deixar de lado o futuro, pois é ele que será seu presente daqui a alguns anos e lá, naquele momento você vai colher os frutos da árvore da decepção. E não vai ser feliz.

sexta-feira, 24 de abril de 2009




Quem sou eu?
Eu não sou ninguém.
Até ontem eu era alguém.
Mas no momento em que comecei a discordar de você eu me tornei um inimigo.
Eu que sempre acreditei que nosso amor fosse eterno. Que não haveria dúvidas e nem desavenças.
O que há no peito agora?
Será que essa decepção que dói em meu peito é loucura da minha cabeça?
Ou puro egoísmo meu?
Ou será que, mais uma vez, tenho que passar por cima de mim mesmo para que fique tudo bem?
Você quebrou uma coisa minha e eu não tenho mais como consertar...a cola não serve para isso.
Vou juntar os cacos deste amor e ver se ainda consigo terminar aquele mosaico.

Se chovesse você.

Se você fosse lua
Dormiria contigo na praia
Entraria contigo no mar
Choraria o teu minguante
Seguiria o teu crescente
Habitaria teu luar
Se você fosse sol
Eu seria girassol
Tua luz seria meu farol
Amaria teu calor
O teu fogo abrasador
Queimaria por amor
Se você fosse vento
Queria você todo momento
Pra enrolar meu cabelo
Levantar a minha blusa
Arrancar-me um suspiro
Ser o ar que eu respiro
Se você fosse chuva
Eu me deixava molhar de prazer
Dançava na rua pra ter
Minha roupa bem molhada
Minha alma encharcada
Se chovesse você

* Quero me encharcar de você...

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Eu já postei isso uma vez:

"Qual o valor de uma amizade?O que é capaz de fazer tremer a parede que levanta-se junto quando é amigo?Resposta que são dadas com o tempo, em demosntrações.Tempo curto.Tempo longo.O amor constrói coisas. E se existe amor verdadeiro nada destrói.Eu amo.E não quero que saia da minha vida jamais. "

Todos temos nossas próprias razões. Cada um tem seus motivos. E é aí que a amizade aparece para mostrar o quão grande é esse sentimento.
Eu tenho minhas razões, meus motivos e minhas certezas...eles não mudam.
Você tem as suas razões, seus motivos e suas certezas...eles não mudam.
Mas se eu te amo e você me ama, nada é capaz de transformar.
Um fato que não pode ser esquecido jamais, são os 27 anos de amizade que existem, a cumplicidade, os momentos de alegria e de dor, as palavras ditas e as não ditas, o respeito. Aliás esse é o maior motivo desse texto.
O respeito que cada uma tem pela outra...
Essa chuva vai passar. Eu só quero que você seja feliz com o que lhe pertence. E o que lhe pertence em breve chegará, pois pessoas boas recebem coisas boas. Pessoas lindas recebem coisas lindas.
A pedra foi colocada em cima da noite de ontem, que por sinal, desgastou demais...mas os princípios serão os mesmo: nosso amor e respeito mútuo.

" Façamos da interrupção um caminho novo...
Da queda, um passo de dança...
Do medo, uma ponte...
Da procura, um encontro."
"Quero ter alguém com quem conversar...
...algém que depois não use o que eu disse contra mim.
Nada mais vai me ferir
É que eu já me acostumei
Com a estrada errada que eu segui
Com a minha própria lei.
Tenho o que ficou
E tenho sorte até demais
Quando sei que tens também."

sexta-feira, 17 de abril de 2009

Porque dia 19 de abril é meu aniversário.


Soneto de aniversário


Passem-se dias, horas, meses, anos
Amadureçam as ilusões da vida
Prossiga ela sempre dividida
Entre compensações e desenganos.

Faça-se a carne mais envilecida
Diminuam os bens, cresçam os danos
Vença o ideal de andar caminhos planos
Melhor que levar tudo de vencida.

Queira-se antes ventura que aventura
À medida que a têmpora embranquece
E fica tenra a fibra que era dura.

E eu te direi: amiga minha, esquece...
Que grande é este amor meu de criatura
Que vê envelhecer e não envelhece.




* E eu não vejo a hora de chegar domingo. Eu amo este dia. Muito feliz!

quinta-feira, 16 de abril de 2009

F.

Num dia qualquer, L. acordou, olhou para o teto e não conseguia lembrar por que tinha que levantar da cama naquela manhã. Aparentemente, não havia nenhuma razão justa para tirá-la de casa. Foi então que percebeu ter perdido uma batalha. Havia se deixado dominar pelo desânimo. Com o passar do tempo, foi notando que nada no seu dia-a-dia parecia valer a pena, nada que a motivasse a seguir adiante. Mesmo assim, o senso de obrigação a empurrou para fora da cama, para a ducha, para o elevador, para o estacionamento. Abriu a porta do carro, sentou-se na frente do volante, mas não conseguiu girar a chave, muito menos chegar ao trabalho. Horas mais tarde, o médico diagnosticava: depressão. Sua irmã a levou de volta para casa.

A poucos metros dali, F. sentia o calor do sol em seus cabelos ruivos e minuciosamente escovados. Acabara de tirar a carteira, precisava ter coragem para deixar a garagem e enfrentar os vários quilômetros até a sede do comitê. Era um dia de estréia. Precisava desse novo desafio para compensar os vários anos gastos ao lado de alguém que nunca a entendeu. Ao chegar, sentiu-se vitoriosa. Suas longas pernas pisaram o chão com muito mais confiança ao sair do carro. Confiança de que estava no caminho certo, de que a vida continua, de que novos amores aparecem, de que sua auto-estima não precisa de mais ninguém, além dela mesma. Entrou no prédio de cabeça erguida, peito estufado, cabelos brilhosos e um largo sorriso no rosto.

Meses mais tarde, L. contava com a ajuda de ansiolíticos para poder dirigir até o trabalho e realizar as atividades diárias. Já conseguia evitar a espera por acontecimentos significativos e a decepção, todas as noites, ao abrir a porta de casa sem novidades para comemorar. Hoje, consegue simplesmente se desligar do que a aborrece, conectando sua atenção a alguma galáxia distante. Amigos e colegas de trabalho notaram a mudança, se tornaram mais afetuosos, respeitando, contudo, a distância que ela prefere manter de tudo e de todos. Em breve, sua fase de reaprender a viver com a ajuda de tranqüilizantes estará terminada. Se conseguirá manter o distanciamento, ninguém pode prever. Mas sabe que dando um passo após o outro, tem voltado à vida. Não à normal, mas a uma nova vida que está construindo. Ao contrário do que parece, ela tem sorte. Quantos têm a chance de apertar o "reset" e recomeçar com um mínimo de perda?

Dirigindo, F. se sentia mais dona de si e de seu destino, autoconfiante e cheia de coragem para novas empreitadas. Partiu para a conquista de um novo amor. Dona de um estilo que lhe confere um charme inegável, foi bem sucedida. Mas depois de alguns encontros, percebeu que se enganara, o novo amor não passara de uma "ilusão de ótica". Porém, consciente dos degraus que já tinha conseguido subir e da guinada que dera em sua vida, a moça sabia que uma ilusão como essa não seria suficiente para ofuscar o brilho da ótima fase. Sem dramas nem sofrimentos, decidiu que aquela pequena desilusão nada mais era do que uma situação passageira e não seu foco principal. Pisou fundo e acelerou a vida pelo caminho que vai traçando a cada troca de marcha.

Quando olha para si, L. percebe que apesar de ter de reconstruir a relação com o mundo, à sua volta, tudo ainda está em seu devido lugar. A reconstrução será feita de dentro para fora e diz respeito muito mais a si mesma do que a qualquer outra pessoa. Quando sua ponte com o mundo estiver reconstruída, estará pronta para enfrentar novos desafios, como F. e a grande maioria das pessoas fazem - matando um mamute a cada dia, escrevendo com as próprias mãos um novo capítulo da própria história. Boa sorte, meninas!

* Texto que, depois de muito tempo e escrito por alguém tão especial na minha vida, veio me motivar mais uma vez.
- Obrigada, amiga Sara. -

quarta-feira, 15 de abril de 2009

Bis

Ontem ganhei uma caixa de chocolate.
Comi Bis pela primeira vez na minha vida e repeti (hihhi). Parece Mirabel.
De verdade eu sempre achei que não ia gostar. Sabe aquelas coisas que você vê, não experimenta e tem a certeza de que não vai gostar? Era isso mesmo com o tal Bis.
Mas eu gostei... não amei.

* Eu gosto mesmo é de Baton.

terça-feira, 14 de abril de 2009

"(Meu bem,)
Bem que você podia
Pintar na sala
Da minha tarde vazia
Como na poesia"

*Disseram-me que era Neruda, mas é Itamar Assumpção.

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Rifa-se um coração

"Rifa-se um coração quase novo.
Um coração idealista.Um coração como poucos.Um coração à moda antiga.
Um coração moleque que insiste em pregar peças no seu usuário.
Rifa-se um coração que na realidade está um pouco usado, meio calejado, muito machucado e que teima em alimentar sonhos e, cultivar ilusões.
Um pouco inconseqüente que nunca desiste de acreditar nas pessoas.
Um leviano e precipitado coração que acha que Tim Maia estava certo quando escreveu...
"...não quero dinheiro, eu quero amor sincero,é isso que eu espero...".
Um idealista...
Um verdadeiro sonhador...
Rifa-se um coração que nunca aprende.
Que não endurece, e mantém sempre viva a esperança de ser feliz, sendo simples e natural.
Um coração insensato que comanda o racional sendo louco o suficiente para se apaixonar.
Um furioso suicida que vive procurando relações e emoções verdadeiras.
Rifa-se um coração que insiste em cometer sempre os mesmos erros.
Esse coração que erra, briga, se expõe.
Perde o juízo por completo em nome de causas e paixões.
Sai do sério e, às vezes revê suas posições arrependido de palavras e gestos.
Este coração tantas vezes incompreendido.Tantas vezes provocado.Tantas vezes impulsivo.
Rifa-se este desequilibrado emocional que abre sorrisos tão largos que quase dá pra engolir as orelhas, mas que também arranca lágrimas e faz murchar o rosto.
Um coração para ser alugado,ou mesmo utilizado por quem gosta de emoções fortes.
Um órgão abestado indicado apenas para quem quer viver intensamente contra indicado para os que apenas pretendem passar pela vida matando o tempo,defendendo-se das emoções.
Rifa-se um coração tão inocente que se mostra sem armaduras e deixa louco o seu usuário.
Um coração que quando parar de bater ouvirá o seu usuário dizer para São Pedro na hora da prestação de contas:"O Senhor pode conferir. Eu fiz tudo certo,só errei quando coloquei sentimento. Só fiz bobagens e me dei mal quando ouvi este louco coração de criança que insiste em não endurecer e, se recusa a envelhecer"
Rifa-se um coração, ou mesmo troca-se por outro que tenha um pouco mais de juízo.
Um órgão mais fiel ao seu usuário.
Um amigo do peito que não maltrate tanto o ser que o abriga.
Um coração que não seja tão inconseqüente.
Rifa-se um coração cego, surdo e mudo,mas que incomoda um bocado.
Um verdadeiro caçador de aventuras que ainda não foi adotado, provavelmente, por se recusar a cultivar ares selvagens ou racionais, por não querer perder o estilo.
Oferece-se um coração vadio,sem raça, sem pedigree.
Um simples coração humano.
Um impulsivo membro de comportamento até meio ultrapassado.
Um modelo cheio de defeitos que,mesmo estando fora do mercado,faz questão de não se modernizar,mas vez por outra,constrange o corpo que o domina.
Um velho coração que convence seu usuário a publicar seus segredos e a ter a petulância de se aventurar como poeta"

- a fabulosa Clarice Lispector-

sexta-feira, 3 de abril de 2009

Home

Se você me diz assim, baixinho, que me quer, que me ama, que será meu por toda a vida, que mais posso querer?
Que dúvidas posso ter?
Quero carinho, quero amor.
Quero beijinhos ao amanhecer.
Quero carinho ao entardecer e colinho ao anoitecer.
Preciso de você mais vezes... por mais tempo. Só nós dois.
Quero entrar na nossa casa e sentir o cheiro que será só dela.
Deitar na nossa cama e ser abraçada por ela (e por você).
Ser sua e você ser meu.
E assim será.

quinta-feira, 2 de abril de 2009

Às vezes nem eu entendo o que sinto.
Sou muito complexa.
Quero muito uma determinada coisa, a consigo e depois não quero mais. Algumas vezes, não a consigo, mas também não quero mais.
Idealizo muitas coisas e a vida é muito benevolente comigo. Recebo o presente e desprezo.
Alguém pode me julgar, me crucificar. Sem problemas...
Mas, a verdade é que sou feliz demais...mesmo sem me entender.
Tenho minhas tristezas, minhas alegrias. Sou intensa. Tem gente que gosta...

quarta-feira, 1 de abril de 2009

Qual é a regra que diz que não pode assinar documentos com caneta vermelha..?

terça-feira, 31 de março de 2009


Acordei de um sonho bom
Que eu queria gravar
Pra poder mostrar pra alguém
Que pudesse apontar
De onde vem esse anjo?
Com quem sonhei?


Reconheço aquele olhar
E o que havia em volta
Mas se é tão familiar
Quero essa resposta


Quem mandou esse anjo?
Com quem sonhei?
Diz pra mim...


Ela veio e linda me tirou pra namorar
Mas foi só um beijo que fez-me despertar
Quero reprisar
O sonho bom


De onde vem?
Tão angelical...
É por isso que eu sonhei
Ela veio e linda me tirou pra namorar
Mas foi só um beijo que fez-me despertar

Quero reprisar
Esse sonho bom

segunda-feira, 30 de março de 2009










Your words are songs for me

My soul born again for you

sexta-feira, 27 de março de 2009


As peças se encaixam e a felicidade chega sim!

quinta-feira, 26 de março de 2009

E tenho dito! Humpf!

A felicidade incomoda... a alegria (dos outros) faz mal.
Por que?
Acredite: nessa vida só fica ao nosso lado o que é nosso e o que é nosso ninguém tira.
Já vivi situações de certeza de que aquilo era meu e por algum motivo "repentino" saiu da minha vida...aí é quando perguntamos as razões de sofrermos, estarmos tristes e perdermos tal coisa. Mas, acredite, não era seu.
O que é seu vem quando você menos espera, de onde você nem imagina...mas os sinais são dados...
Os caminhos te levam àquela direção sem que você faça algum esforço. É lá que você vai parar.
" O vento vai dizer
lento o que virá..."
Cate os cacos do seu caminho.
Junte as pedras.
Não atrapalhe a vida de ninguém...
O que é seu virá na hora devida.

* E para de encher meu saco, merda! Eu não sou boazinha.

terça-feira, 24 de março de 2009

Para quem nasce dia 19, assim como eu.

DIAs 19 ...................................................... DIA DO CARÁTER

O biótipo do dia natalício 19 mostra muita coragem, força de caráter, de natureza audaciosa, apaixonada e até impulsiva, chegando em certos momentos a atos heróicos.
Assim como o (5), quer mudanças, é versátil e está sempre desejando o melhor para si e também para a família.
É independente, artístico, original e dotado de espírito de iniciativa e criatividade. 19 é o dia do sucesso, da prosperidade e também da felicidade.
Esta vibração altamente positiva tem em si embutido também certa tendência à arrogância à teimosia e à vaidade.
É também o número dos extremos (1 e 9); desta configuração só poderia resultar em um indivíduo que em certo dia está nas nuvens (rico), e em outro atolado na mais completa miséria. Possui grande poder de realização, mas se irrita com certa facilidade, tendo acessos de crises de violência que normalmente afetam sua saúde.
Apesar desta negatividade, jamais guarda rancor de quem quer que seja e rapidamente esquece qualquer ofensa de que é vítima.
Sendo o seu lema o caráter, na mais pura expressão, o seu possuidor é um reformador, e como tal, sempre pensa em uma maneira de transformar o mundo, conquistando dessa maneira, simpatias e a admiração de todos.
Quando quer alguma coisa, é capaz de gestos teatrais e até atitudes extremas e não aceita seguir o tradicional.
Pelo seu instinto 'paternal', as decepções (principalmente com amigos), frustrações (ideológicas) e fracassos (profissionais), podem afetar o seu coração, a circulação sangüínea, a visão e também o sistema auditivo.

segunda-feira, 23 de março de 2009

A certeza que eu tenho é a de falar, afirmar, confirmar e agir de acordo com isso. Não passo por cima de mim mesma e não minto pra mim.
Sou honesta comigo mesma. Essa é uma das melhores virtudes humanas.

segunda-feira, 16 de março de 2009






Queria morar no Hotel Windsor, suite 1505.

Com a mesma companhia pro resto da minha vida.

sexta-feira, 13 de março de 2009

Bom fim de semana para todos, pois o meu, eu sei, será maravilhoso!

quarta-feira, 11 de março de 2009

"Cada um que passa em nossa vida,passa sozinho,
pois cada pessoa é única e nenhuma substitui outra.
Cada um que passa em nossa vida,passa sozinho,
mas não vai sónem nos deixa sós.
Leva um pouco de nós mesmos,
deixa um pouco de si mesmo.
Há os que levam muito,mas há os que não levam nada.
Essa é a maior responsabilidade de nossa vida,
e a prova de que duas almas não se encontram ao acaso. "

(Antoine de Saint-Exupéry)

Perfeito...

terça-feira, 10 de março de 2009

"E as rosas ficaram desapontadas.
-Sois belas, mas vazias - Continuou ele.
- Não se pode morrer por vós. Um passante qualquer sem dúvida pensaria que a minha rosa se parece convosco. Ela sozinha é, porém, mais importante que todas vós , pois foi ela quem eu reguei. Foi ela quem pus sob a redoma. Foi ela quem abriguei com o pára-vento. Foi nela que eu matei as larvas(exceto duas ou três por causa das borboletas). Foi ela quem escutei queixar-se ou gabar-se, ou mesmo calar-se algumas vezes. Já que ela é a minha rosa."

"-Foi o tempo que perdeste com a tua rosa que a fez tão importante."

http://www.youtube.com/watch?v=M9_8M668VSU

sexta-feira, 6 de março de 2009

Os cacos da garrafa

Hoje fui beber água aqui no trabalho e observei a garrafa de café que fica ao lado. Estava escrito assim: " sem ampola de vidro".
Aí pensei que se hoje pensam nisso é porque pessoas devem ter ingerido cacos de vidro no passado quando as garrrafas térmicas vinham com vidro dentro, quebravam com alguma colisão e não era sabido.
Caraca, cara...

segunda-feira, 2 de março de 2009

Ensaios sobre a cegueira

Ontem assisti " Ensaios sobre a cegueira".
Simplesmente fantástico. Profundo. Triste. Real. Humano.
Que filme... a quem interessar possa, assista.
http://www.ensaiosobreacegueirafilme.com.br/

* Feliz aniversário para Fernanda Rodrigues. Que seu dia seja lindo e feliz!
* Quando acaba esse calor infernal? Péssimo.
*E o trânsito volta a ser como era antes.
* Quero morar em Londres.

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009


Foi bem legal... apesar de não gostar da festa "carnaval", o feriado me cai como uma luva...Faço exatamente tudo que mais gosto de fazer, sendo que sem horários a cumprir.
Foi muito bom mesmo.
Me diverti à beça e só tive ao lado pessoas muito especiais.
Queria pedir desculpas ao meu amigo Carcacinha por não ter ido ao bloco "Chupa queu gamo", mas ele deve entender que eu não curto isso...mas meu amor não diminuiu... é meu querido amigo carcaciiiiinnnhhhaa!!!!
Queria agradecer ao meu casal querido, Kelita e Diogo, por terem me dado o prazer constante de suas presenças e melhor ainda, acrescida da linda, maravilhosa, princesa Sofia. Descobri que quero ser mãe.
Obrigada, prima Jaca, pela carangueijada, pelo churrasco e pela companhia sempre feliz. Muito bom.
Obrigada, amiga Robe, por TODOS os momentos. Você é perfeita até sem voz.
Nita, Nito, Bolinho, Vitor, Manel, Taiane, Macaxeira, Rogério, La Piazza todo (hihhi), Nel, Palloma, Papi, Mami.
E em especial, Fábio Dias que sempre faz do meu momento mais simples um grande evento.

* De quebra uma foto da coisa mais linda desse mundo que é a Sofia... Gente, ela é demais.
Eu a amo desde antes de nascer. Uma bolinha.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009


365 dias se passaram...
O tempo passa, o amor aumenta.
E o Pequeno Príncipe em sua formosura, pureza e verdade entra aqui para dizer:

"Mas, se tu me cativas, nós teremos necessidade um do outro. Serás para mim único no mundo. E serei para ti única no mundo."


E eu estou muito feliz...

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

"Carnaval, carnaval, carnaval...

...eu fico triste quando chega o carnaval."

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Romeu e Julieta

Assim que o amor entrou no meio, o meio virou amor
O fogo se derreteu, o gelo se incendiou
E a brisa que era um tufão
Depois que o mar derramou, depois que a casa caiu
O vento da paz soprou
Clareou, refletiu, se cansou do ódio e viu que o sonho é real
E qualquer vitória é carnaval, carnaval, carnaval
Muito além da razão, bate forte emoção, ilusão que o céu criou
Onde apenas o meu coração amará, amará
O amor não se tem na hora que se quer, ele vem no olhar
Sabe ser o melhor na vida e pede bis quando faz alguém feliz
Vem aqui, vem viver, não precisa escolher os jardins do nosso lar
Preparando a festa pra sonhar, pra sonhar, pra sonhar
Faça chuva, vem o sol, em comum o futebol deu você e o nosso amor
Convidando as mágoas pra cantar, pra cantar, pra cantar
O amor não se tem na hora que se quer, ele vem no olhar
Sabe ser o melhor na vida e pede bis quando faz alguém feliz

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Outro adeus.

Não. Não mais.
Não me servem mais seus encantos. Eles não me abalam mais.
Não me encanta mais o seu sorriso. Ele não me abala mais.
Não quero mais as promessas, os sonhos, as ilusões.
As ilusões...eram elas que me seguravam em você, já que você não pode me dar o que eu quero. Não pode me dar seu amor por completo e de metades eu já estou cheia...
Estou à procura das outras partes.
Uma eu já achei. Essa sim coube direitinho na outra metade: a minha.
Eu não posso sonhar hoje o que eu sonhara há dez anos atrás. Não tenho mais tempo. Minha alma não é tão jovial ou desprendida do tempo real.
O que eu queria era simples...mas simples não é fácil para você.
Então, mais uma vez, saio da sua vida como aquela pessoa que um dia lhe quis e por você teve sentimentos enormes.
Mantenho-me como sua amiga... a mesma que sempre fui.
Estou aí...
Vida que segue.
Fica bem.

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Comer comer!

Eu deveria fazer uma redução de estômago na minha alma...

...ela é obesa.

Mórbida.

Eu só penso em comer!!!!!!!

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Retro.

Não preciso esperar terminar o ano. Já vou fazer minha retrospectiva deste último mês:

Nestes últimos dias me decepcionei com amigos. Bom, uns conseguiram me surpreender mesmo, mas tem "pessoas" que eu já esperava tais atitudes.
Conheci pessoas novas muito legais. Fiz novas amizades.
Descobri que o que realmente vale é dar valor a quem se tem.
Ouvi histórias e aprendi com elas. Vi coisas que não quero pra mim.
Tive o prazer de ver meu paizinho completar 60 anos de idade mais lindo do que nunca.
Tive a honra de presenciar um negro assumir a presidência dos Estados Unidos da América.
Assisti bons filmes.
Ouvi ótimas músicas.
Comi milho cozido vendo filme com meu amor.
Decepcionei alguém.
Não deixei de usar protetor solar.
Recebi elogios.
Joguei sinuca.
Bebi cerveja.
Comi lagosta.
Exerci novas funções no meu trabalho.
Fui a festa de formatura da minha querida.
Não lavei meu carro...aliás, desde o ano passado (ok...isso é chato pra cacete)
Reencontrei amigos da época de escola. Tiramos foto.
Perdi meu guarda chuva (com ou sem hífem?).
Achei meu guarda chuva (hihihhi).
Dei ataque de mulherzinha. Tive TPM. Pintei os cabelos e fiz as unhas.
Não fui no show do Elton John. (Buááááá)
Senti saudades.
Senti amor.

E está tudo bem...

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Liberdade de expressão
e de interpretação.



Só um conselho: "Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas"

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Tô lendo.

" Ele próprio estava surpreso. Agia contra seus princípios. Dez anos antes, quando se divorciara da primeira mulher, viveu o divórcio numa atmosfera de alegria, como outros comemoram o casamento. Compreendeu então que não nascera para viver ao lado de uma mulher, fosse quem fosse, e que só poderia ser um celibatário. Esforçava-se, portanto, cuidadosamente para organizar seu sistema de vida de maneira tal que nenhuma mulher jamais viesse se instalar com uma mala na casa dele. Por isso, só tinha um divã. Ainda que o divã fosse largo. ele dizia às companheiras que era incapaz de adormecer com alguém na mesma cama e as levava sempre de volta para casa depois da meia-noite. Aliás, a primeira vez que Tereza ficou na sua casa com gripe, ele não dormiu com ela. Passou a primeira noite numa poltrona grande, e nas outtas noites foi para o hospital; ali, em seu consultório, havia uma espreguiçadeira que utilizava nos plantôes noturnos.
No entanto, dessa vez, adormeceu ao lado dela. De manhã, ao acordar, percebeu que Tereza, que ainda dormia, segurava sua mão (com força, ele não conseguia se desvencilhar do aperto) e a mala pesadíssima estava ao lado da cama.
Ele não ousava retirar a mão por medo de acordá-la, e se virou com muito cuidado para poder observá-la melhor.
Mais uma vez, ocorreu-lhe que Tereza era uma criança colocada numa cesta e abandonada ao sabos da corrente. Como deixar derivar pelas águas turbulentas de um rio a cesta que abriga uma criança? Se a filha do faraó não tivesse retirado das águas a cesta di pequeno Moisés, não teria havido o Velho Testamento e toda nossa civilização! No começo de tantos mitos antigos, existe sempre alguém que salva uma criança abandonada. Se Pólibo não tivesse recolhido o pequeno Édipo, Sófocles não teria escrito sua mais bela tragédia!
Tomas não sabia então que as metáforas são uma coisa perigosa. Não se brinca com as metáforas. O amor pode nascer de uma simples metáfora."


Do livro " A Insustentável Leveza do Ser"

* Estou adorando...

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

O meu tudo é querer você.

"Eu apenas queria que você soubesse"que aquele 'sol' eu só mandei procê,colorindo o mundo do jeito que eu amo e vibrando muito com o meu pensamento..."Eu apenas queria que você soubesse"que essa estrada toda eu sonhei pra nós,viver se amando em toda a natureza mesmo eu sabendo da nossa distância!"Eu apenas queria que você soubesse"que o seu sumiço pode acabar comigo,pois o tudo é pouco quando se quer Vida Mesmo se remando contra a correnteza..."Eu apenas queria dizer" pra você, que pouco importa o mundo e os seus tesourosou as sete maravilhas do conhecimentoSe nest'existência eu não tiver você..."Eu apenas queria" sentir sua garganta,massacrando todo o meu contentamentoe dizendo: 'calas, que eu sou só tua!'nem que fosse mentira e um desalento!e nada importa, nada, nada. Pouco importa!e nada importa, nada, nada. Nada importa!e nada importa, nada, nada. Nada importa!e nada importa, nada, nada. Nada importa!"Eu apenas queria" gritar para o "mundo"que lhe tendo um dia lhe terei pra sempre;Pois se você me deixar, resta o pensamentoe o seu suor, nos poros do meu corpo..."Eu apenas queria que você soubesse"que o colorido sol eu só mandei procê...e aquela mina que chegou falandotudo que ela tinha era uma cópia cinza;"Eu apenas queria que você soubesse"Que a razão do meu sol é viver pra você,iluminando os dias dos seus pensamentospois a minha vida é querer você!Nem que seja longe para eu ter você!nem que seja tarde para o amanhecer!nada importa nada, só amar você,numa alegria sem razão de ser!Pois a vida é pouco quando se quer tudo;E a minha vida é querer você."Eu apenas queria" sentir sua garganta,massacrando todo o meu contentamentoe dizendo: 'calas, que eu sou só tua!'nem que fosse mentira e um desalento;"Eu apenas queria dizer" pra você, quepouco importa o mundo - e os seus tesouros,ou as sete maravilhas do conhecimento- Se nesta existência eu não tiver você,Pois nada importa, nada, nada. Tudo pouco importa!e nada importa, nada, nada. Nada importa!e nada importa, nada, nada. Nada importa!e nada importa, nada, nada. Nada importa!Nem que seja longe para eu ter você!nem que seja tarde para o amanhecer!nada importa nada, só amar você,numa alegria sem razão de ser!Só quero dar o meu sol... Pra você.

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Quando fazemos tudo para que nos amem e não conseguimos, resta-nos um último recurso: não fazer mais nada. Por isso, digo, quando não obtivermos o amor, o afeto ou a ternura que havíamos solicitado, melhor será desistirmos e procurar mais adiante os sentimentos que nos negaram. Não fazer esforços inúteis, pois o amor nasce, ou não, espontaneamente, mas nunca por força de imposição. Às vezes, é inútil esforçar-se demais, nada se consegue;outras vezes, nada damos e o amor se rende aos nossos pés. Os sentimentos são sempre uma surpresa. Nunca foram uma caridade mendigada, uma compaixão ou um favor concedido. Quase sempre amamos a quem nos ama mal, e desprezamos quem melhor nos quer. Assim, repito, quando tivermos feito tudo para conseguir um amor, e falhado, resta-nos um só caminho...o de mais nada fazer.

Trocaria a eternidade por essa noite...

Mas essa noite já se foi...
E talvez nunca mais aconteça.

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Estou curtindo muito os momentos de "nada melhor do que não fazer nada só pra deitar e rolar com você".

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Aqueles.

Adoro quando a vida dá seus sinais...
...e eu vou seguindo os mesmos.

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Meu momento brega - Monalisa

E este não é o único.
Mas eu assumo, eu amo essa música, acho a letra linda e seria lindo ouvir isto de quem se gosta.
Tá...não é uma indireta, apesar de parecer ser...
Mas, o Jorge Vercilo (quem diria eu falar isso) tem umas músicas que eu gosto muito.
Até uma em que ele diz assim:
" Ao te refletir
Um espelho em si
Vira quadro, vira arte
Salvador Dali não ousou imaginar-te"

E essa daí de baixo eu gosto muito também.

É incrível
Nada desvia o destino
Hoje tudo faz sentido
E ainda há tanto a aprender
E a vida tão generosa comigo
Veio de amigo a amigo
Me apresentar a você

Paralisa com seu olhar
Monalisa
Seu quase rir ilumina
Tudo ao redor minha vida
Ai de mim, me conduza
Junto a você ou me usa
Pro seu prazer, me fascina
Deusa com ar de menina

Não se prenda
A sentimentos antigos
Tudo que se foi vivido
Me preparou pra você
Não se ofenda
Com meus amores de antes
Todos tornaram-se ponte
Pra que eu chegasse a você

Paralisa com seu olhar
Monalisa
Seu quase rir ilumina
Tudo ao redor, minha vida
Ai de mim, me conduza
Junto a você ou me usa
Pro seu prazer, me fascina
Deusa com ar de menina

Paralisa com seu olhar
Monalisa
E ao quase rir ilumina
Tudo ao redor, minha vida
Ai de mim, me conduza
Junto a você ou me usa
Pro seu prazer, me fascina
Deusa com ar de menina

Me fascina
Deusa com ar de menina

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Friends

Qual o valor de uma amizade?
O que é capaz de fazer tremer a parede que levanta-se junto quando é amigo?
Resposta que são dadas com o tempo, em demosntrações.
Tempo curto.
Tempo longo.
O amor constrói coisas. E se existe amor verdadeiro nada destrói.
Eu amo.
E não quero que saia da minha vida jamais.

domingo, 11 de janeiro de 2009

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Eu só quero de volta a minha tranquilidade.

Só isso.

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Mamão com mel.

Parece até que eu jamais falei no amor
Parece até que jamais amei
Criança é mesmo assim
Bobagem, beleza
Só fala maravilhas banais

Eu quero amar você de todas as maneiras
Que eu puder viver você
Por todos os caminhos que eu puder
Sentir você e em todos os sentidos do prazer

Eu quero amar você de todas as maneiras
Que eu puder viver você
Por todos os caminhos que eu puder
Sentir você e em todos os sentidos do prazer

Ah, que céu !
Mamão com mel
E eu nem preciso asas pra voar
Melhor é bem difícil de sonhar

Amar, viver, sentir, a vida com você
Amar, sentir você mas que prazer


Falar de amor, já que no momento é o que mais vale à pena...
...pois, minha alma não é penquena.

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

O que é certo?

O certo é estar em paz consigo.
Estar em plena harmonia com sua alma e seu coração.
O certo é se fazer bem.
O certo é querer seu próprio bem.
Porque quando estamos bem conosco estaremos bem com o mundo.


"O que foi escondido
É o que se escondeu
E o que foi prometido
Ninguém prometeu
Nem foi tempo perdido
Somos tão jovens..."

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

New year.

Hoje é o início do novo ano para mim... Depois de quinze dias de recesso do trabalho, aqui volto com minhas expectativas e anseios para o novo ano.
Não prometi nada a ninguém e nem a mim mesma para evitar possíveis decepções.
Quero ser feliz sempre com o que prezo demais nessa vida: viver em paz.
O resto vem no seu momento certo.
Estou muito feliz. Muito mesmo.